domingo, abril 20, 2008

Oficina de poesia

Eu tenho um fraco por poesia.
E prosa, contos, romances... de lazer a autores "consagrados", na verdade eu tenho um fraco enorme por literatura.
Há poucos dias descobri um site fantástico, o Portal Literal. Lá tem algumas oficinas on-line que podem ser a diferença entre quem escreve e quem escreve BEM. Assim, bem MAIÚSCULO mesmo.

Iniciei a oficina de poesia esses dias. Falta de tempo contribuíram para que eu atrasasse a leitura. Até porque poesia não é algo que se aprenda correndo. Inspiração que traz uma poesia magnífica diretamente para a ponta do lápis, ou do teclado, é pura ficção. Poesia se faz com labor e muita dedicação.

Buenas... a oficina, na 1a. aula, sugeria um exercício. Inserir num poema de sua preferência, estrofes de sua autoria. Segue a poesia original e o resultado do meu exercício.

SEGREDO
Carlos Drummond de Andrade

A poesia é incomunicável.
Fique torto no seu canto.
Não ame.

Ouço dizer que há tiroteio
ao alcance do nosso corpo.
É a revolução? o amor?
Não diga nada.

Tudo é possível, só eu impossível.
O mar transborda de peixes.
Há homens que andam no mar
como se andassem na rua.
Não conte.

Suponha que um anjo de fogo
varresse a face da terra
e os homens sacrificados
pedissem perdão.
Não peça.
__________________________________________________________________

PSIU.
Ana Marques


A poesia não fala.
Não fale com ela.
Sua voz é surda.
Muda.

O tiroteio está logo ali
ao alcance do seu ouvido.
Ouve? Ouvimos?
Não importa.

Impossível sonhar, o sonho sou eu.
Peixes escapam voando do mar
e os homens que andavam por ele, afundam
com pés de cimento.
Psiu.

Suponhamos que um deus poderoso
desse toda a face da terra
a ti, homem santificado.
Que faria tu?
Não faça.

__________________________________________________________________

Que tal? Vai valer a pena a oficina?

1 escritos:

Felipe disse...

Como você mesma falou para mim:
"Certas coisas, ficam gravadas na gente, né?"

Também tenho um grande pequeno fraco por literatura (não tanto por poesia).

Por essas e outras que tento aproveitar minha vida da maneira que eu acho que seja certo, sem me importar com o que irão pensar, ou com o que dizem ser pecado.